Autocarros da Carris com prioridade nos semáforos

Pedro Junceiro
Pedro Junceiro
Editor Conteúdos

Os autocarros da Carris vão passar a ter ‘luz verde’ constante nos semáforos do eixo central de Lisboa, garantindo assim uma condição de prioridade que visa melhorar o tempo e eficácia da rede de transportes públicos na capital.

Esta é uma das medidas previstas pela Carris em conjugação com a Câmara Municipal de Lisboa para reduzir os atrasos nos percursos e melhorar a eficácia da mobilidade no interior da cidade, com a nova gestão semafórica a permitir que os veículos da Carris beneficiem da luz verde dos semáforos para assim seguirem caminho na estrada.

 

Este novo sistema de semaforização prioritário, que tem por base sensores instalados nos veículos e que comunicam com a rede de gestão dos semáforos, começará a funcionar em breve no eixo central, permitindo aos veículos da Carris desbloquear os sinais vermelhos no trânsito e, assim, poupar vários minutos na sua deslocação. De acordo com o presidente da autarquia, Fernando Medina, no troço entre Entrecampos e o Marquês de Pombal, o sistema irá permitir uma redução de cerca de quatro minutos nos tempos de deslocação.

Além desta zona do denominado eixo central, o sistema poderá também ser alargado à Estrada de Benfica, estando prevista a sua implementação nesta zona da cidade.

Ainda no primeiro trimestre do ano será apresentada a aplicação (app) da Carris, com informação em tempo real útil aos passageiros e, até ao final do verão, toda a frota estará equipada com wi-fi.

Mais 100 autocarros; elétricos chegam em 2019

Até ao final do ano, a Carris irá receber um total de 100 autocarros novos, alguns articulados, a gás natural, standard e outros mais pequenos para as denominadas linhas de bairro, destinadas a trajetos mais curtos e em locais de acesso mais complicado. Os autocarros elétricos chegam no primeiro trimestre de 2019, estando previsto para o primeiro trimestre de 2018 o lançamento de um concurso para a compra de veículos 100% elétricos para o transporte de passageiros.