Quando alguém rouba um automóvel de luxo, geralmente já tem um comprador alinhado, e tem os conhecimentos para falsificar dados de modo a tornar o carro roubado perfeitamente “legal”. Mas depois há quem roube um carro de luxo, não saiba o que fazer com ele, e depois tenta vendê-lo num site de leilões na internet. Como é o caso desta pessoa, que foi preso a tentar vender um BMW i8.

Um oficial da Brigada de Trânsito do Tennessee encountrou um anúncio no site Craigslist para a venda de um BMW. Embora seja comum pessoas venderem carros neste site, é raro encontrar itens tão caros. O agente da polícia estatal contactou o vendedor, identificado como Marqueze Blackwell, que estava a tentar vender o BMW i8 por 87.500 dólares (cerca de 75 mil euros). Ao encontrar inconsistências com o número de chassis, o agente da Brigada de Trânsito identificou o veículo como tendo sido roubado na Flórida no passado mês de março.

Agora, o vendedor está em julgamento, tendo sido acusado de roubo de automóvel e de falsificação de elementos identificadores. Dois dos três locais onde o número de série do chassis estava disposto mostravam sinais de terem sido alterados.