Hamilton vs Vettel vs Alonso: Quem é o mais bem pago?

São provavelmente os três melhores pilotos da atualidade e aqueles que mais adeptos arrastam para as pistas. Quando se encontram em pista as lutas são acesas e fazem vibrar o público, e fora de pista são a cara de várias marcas, que valem milhões. Como é lógico, tudo isto se paga e bem.

Prepare-se pois vai ver números grandes. A lista da Forbes dos atletas mais bem pagos de 2017 já é conhecida e é sem grande surpresa que vemos um português no topo da lista. Cristiano Ronaldo é o senhor que recebe mais, com um total anual de mais de 78 milhões de euros no total. Caso para chegar ao banco, ver o saldo e dizer “Siii!”.

Vamos agora virar as nossas atenções para os homens do desporto motorizado, sendo que o mais bem pago é…Lewis Hamilton. O piloto britânico é o que mais fatura do desporto motorizado, com um total de 39 milhões de euros anuais, sendo o 10º atleta mais bem pago do mundo. O próximo piloto a aparecer na lista é Sebastian Vettel, em 14º com um total de 32.5 milhões de euros e por fim aparece Alonso em 20º com 30 milhões de euros.

É comum dizer-se que o desporto motorizado é um desporto de ricos. De facto, é um desporto muito dispendioso mas se virmos o top 20 da lista Forbes, temos apenas três pilotos contra sete jogadores da NBA (basquetebol). Jogadores de golfe são três, tantos quanto os de futebol (dois deles ocupam top3).

Segundo a lista, Hamilton é o piloto que tem o salário mais elevado e que recebe mais pagamentos extra (não especificados, mas que deverão estar diretamente ligados a direitos de imagem, entre outros). Cristiano Ronaldo recebeu tanto em pagamentos extra quanto Alonso recebeu de salários, o que significa que a imagem dos pilotos não é aproveitada como a de outros atletas e basta ver que Vettel, recebeu apenas 423 mil euros em pagamentos extra, um valor irrisório comparado com os restantes. O segundo atleta que menos recebeu em pagamentos extra foi Alonso e mesmo o valor recebido por Hamilton foi dos mais baixos. Ainda assim, dados os valores que receberam, provavelmente não estarão descontentes com o saldo ao final do mês.

Curiosamente são apenas estes três pilotos de F1 que conseguem ter salários acima dos 10 milhões de euros, com o top 5 a ser preenchido por Valtteri Bottas (7.2 milhões) e Kimi Raikkonen (5.9 milhões). Os outros pilotos que recebiam acima dos 10 milhões eram Rosberg e Button e resolveram dar descanso aos contabilistas. O resto da grelha fica-se por números mais modestos mas francamente atrativos para os comuns dos mortais.

Eis a lista da Forbes ordenada por posição e onde consta o nome, salário, extras e desporto:

Pos. Nome Total Salário Extras Desporto
#1 Cristiano Ronaldo 78,585 49,01 29,575 Futebol
#2 LeBron James 72,839 26,364 46,475 Basquetebol
#3 Lionel Messi 67,6 44,785 22,815 Futebol
#4 Roger Federer 54,08 5,07 49,01 Ténis
#5 Kevin Durant 51,207 22,477 28,73 Basquetebol
#6 Andrew Luck 42,25 39,715 2,535 NFL/Futebol americano
#6 Rory McIlroy 42,25 13,52 28,73 Golf
#8 Stephen Curry 39,9685 10,3935 29,575 Basquetebol
#9 James Harden 39,377 22,477 16,9 Basquetebol
#10 Lewis Hamilton 38,87 32,11 6,76 Fórmula 1
#11 Drew Brees 38,2785 26,4485 11,83 NFL/Futebol americano
#12 Phil Mickelson 36,7575 2,9575 33,8 Golf
#13 Russell Westbrook 32,617 22,477 10,14 Basquetebol
#14 Sebastian Vettel 32,5325 32,11 0,4225 Fórmula 1
#15 Damian Lillard 32,448 20,618 11,83 Basquetebol
#16 Novak Djokovic 31,772 8,112 23,66 Ténis
#17 Tiger Woods 31,3495 90,415 31,265 Golf
#18 Neymar 31,265 12,675 18,59 Futebol
#19 Dwyane Wade 30,589 19,604 10,985 Basquetebol
#20 Fernando Alonso 30,42 28,73 1,69 Fórmula 1

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.