TCR Portugal: Triunfo fácil de Francisco Abreu

Francisco Abreu venceu facilmente a primeira corrida do TCR Portugal e Ibérico, depois de Manuel Manuel Gião, ‘tocado’ após a partida, se ter despistado e ‘levado’ consigo Francisco Mora.

Sem dois adversários deste calibre o piloto do Team Novadriver impôs o seu excelente andamento e pouco depois da saída do Safety Car de pista – esta lá três voltas para os dois carros de Gião e Mora serem retirados – abriu uma margem que esteve sempre a crescer até ao fim da corrida.

Desta forma, Francisco Abreu vence a primeira corrida e dá um passo largo em frente na direção da vitória do Troféu Ibérico de Velocidade, tanto mais que Francisco Mora, o líder da classificação da Taça, como já referimos, deu um passo atrás. Mora ficou de fora logo nos primeiros metros da corrida. Edgar Florindo tocou em Manuel Gião, que por sua vez não conseguiu evitar o toque, esse mais forte, no Seat Leon de Mora. A corrida terminava por aí para ambos, logo antes da primeira curva da reta da meta.

Edgar Florindo escapou à confusão e pouco depois colocou-se no segundo posto, seguido de muito perto por Patrick Cunha. Na última volta, Cunha chegou ao segundo posto, por troca com Florindo. Nos TCR 2 a vitória sorriu a João Sousa.