O Segway tornou-se demasiado popular para ainda ser um objeto de moda. Podem ser encontrados um pouco por todo o lado, permitindo a várias pessoas locomover-se por áreas de grandes dimensões com um mínimo de fatiga. Mas embora já haja Segways para todo o gosto, o conceito ainda tem espaço para evoluir, e a primeira marca a encontrar um novo nicho é a BPG Werks, que promete muita emoção a fazer desportos radicais com o Shredder.

No Shredder, as duas rodas do Segway dão lugar a um conjunto de lagartas com uma suspensão articulada, que facilitam a passagem por obstáculos difíceis. Mesmo com este peso adicional, tem uma estrutura leve, com chassis tubular em aço e alumínio, para um peso total de 127 kg. Ao contrário do Segway, controla-se mais colocando o corpo como se estivesse de um skate, com uma inclinação máxima de 15 graus, e também tem um sistema de controlo com guiador.

Ao contrário do Segway, o Shredder não é tão ecológico, substituindo o motor elétrico por um propulsor a gasolina, de 200 cm3, com 14 cv de potência. Para assegurar a rotação ideal a qualquer velocidade, usa uma transmissão de variação contínua. Consegue acelerar até um máximo de 40 km/h.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.