“Há uma tentativa de fazer uma história estúpida a partir de nada”

Kimi Raikkonen continua a caracterizar-se por uma postura cáustica, mesmo quando conquista a sua primeira ‘pole-position’ em nove anos de Fórmula 1. Logo após a qualificação do Grande Prémio do Mónaco o finlandês da Ferrari afirmou que nada mudou, e que o ter sido mais rápido no Principado não muda nada no seio da equipa nem a sua postura relativamente à vontade de vencer e a possíveis ordens de equipa, atendendo a que é Sebastian Vettel quem lidera o Campeonato do Mundo nesta altura.

Durante a conferência de imprensa após a qualificação Raikkonen lembrou a diferença de pontos para o seu companheiro de equipa, e como reagiria se os dois pilotos tivessem de lutar pela vitória na corrida. “Não há nada de diferente neste ponto da época relativamente ao ano passado. Sabemos o que fazemos, corremos pela equipa e sabemos que temos algumas regras e vamo-nos respeitar. Estamos autorizados a lutar um com o outro, mas obviamente que temos de o fazer da forma mais limpa que possamos e não atirar nenhum de nós para fora da pista”, respondeu o finlandês.”Sei que as pessoas esperam que façamos algo diferente do que o que fizemos nos dois últimos anos. Nada mudou. Há apenas a tentativa de fazer uma história estúpida a partir de nada”, desabafou ainda ‘Ice Man’.