Renault Twingo GT com caixa EDC

O Renault Twingo GT recebe a caixa automática EDC de dupla embraiagem e de 6 velocidades, privilegiando o comportamento dinâmico e divertido deste citadino vitaminado.

A Renault adaptou ao Renault Twingo GT a caixa automática EDC (Efficient Dual Clutch) de dupla embraiagem e de 6 velocidades, à semelhança do que acontece em modelos desportivos como o Renault Clio R.S. e o Megane GT. Tendo como finalidade melhorar o comportamento dinâmico do Twingo GT, o citadino, equipado com o motor turbo TCe de 898 cm3 de 110 cv, passa a estar disponível com esta transmissão automática que oferece inclusivamente um sistema de mudanças sequenciais semi-automáticas através de selecção na alavanca de velocidades. A Renault espera que a caixa automática EDC promova o desempenho e ofereça ao condutor um maior prazer de condução.

O pequeno mas potente Twingo GT necessita apenas de 9,6 segundos para acelerar do 0 aos 100 km/h, graças a uma relação de peso/potência na ordem de 8,5 kg por cavalo, aproximando-se das prestações do antigo Twingo R.S. A Renault Sport dotou o modelo de características estéticas desportivas como são o caso das jantes de 17” e uma redução da altura da suspensão, em 20 cms mais próxima da estrada em relação ao Twingo TCe Sport. Os amortecedores são mais duros e, para garantir a segurança, o fabricante francês fortaleceu o chassis do Twingo GT com uma barra estabilizadora de maior diâmetro face à da versão Sport.

Este irrequieto Renault Twingo GT com caixa EDC é a aposta da marca francesa para combater o germânico citadino vitaminado, o Volkswagen Up! Gti.

Miguel Policarpo

 

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.