Die app-basierte Carsharing-Plattform ist offen für Fahrzeuge aller Marken. ; The app-based carsharing platform is open to vehicles of all brands.;

A Mercedes-Benz é a mais recente companhia da indústria automóvel a apostar num sistema que permite aos proprietários dos veículos partilharem-nos com outras pessoas, ao abrigo do serviço Croove.

Estando empenhada na mobilidade sustentada, para a qual criou uma submarca denominada CASE (acrónimo para Connected, Autonomous, Shared e Electric), a Mercedes-Benz lançou em Munique, na Alemanha, um serviço que permite aos proprietários dos veículos partilharem-nos com as demais pessoas que necessitem de um carro.

A lógica da Mercedes-Benz é que muitos dos carros estão parados todo o dia, quando muita gente precisa de um carro para se deslocar. Assim, ao contrário de serviços como o Car2Go, também da Daimler, ou do ReachNow, da BMW, este Croove permite, através de uma aplicação (por enquanto apenas disponível para iOS, em breve também para Android) que os clientes particulares possam ‘emprestar’ os seus carros.

A inscrição é simples, com a companhia a detalhar que é necessário aos proprietários submeterem um perfil do veículo, incluindo os opcionais, com a aplicação a indicar, depois, quais os passos seguintes a dar para estabelecer um preço do aluguer. A própria aplicação tem um método de avaliação e de análise do estado geral do veículo após o aluguer de forma a clarificar todo o processo e a pesquisa por eventuais danos.

Como restrições, não havendo marcas proibidas, o serviço Croove impõe, apenas, que o veículo esteja em boas condições e não tenha mais de 15 anos. Para o cliente que arrenda, a idade mínima é de 21 anos – devendo ser possuidor de habilitação legal para conduzir – podendo combinar com o proprietário do veículo a entrega da chave ou acertar um pagamento suplementar para que dono do carro o transporte.

A marca trabalha numa forma de tornar o processo mais simples por via de um pin de acesso que permitirá o acesso sem chave.