A Toyota AI Ventures, uma divisão do construtor japonês focada no desenvolvimento de tecnologias autónomas, vai ser uma das investidoras no projeto de um avião elétrico, que deverá ser uma alternativa ao uso de automóveis em viagens curtas, e que será capaz de levantar voo e aterrar de forma vertical, não necessitando de pistas específicas.

O avião elétrico está a ser desenvolvido pela Joby Aviation, uma start-up que pretende criar uma aeronave capaz de transportar cinco pessoas numa distância máxima de 240 km, e que consiga levantar voo, fazer a viagem e aterrar com apenas um centésimo da poluição sonora de um aparelho equivalente com hélices movidas a gasolina. Com dimensões compactas, vai reinventar o tráfego urbano sob a forma de diferentes camadas, reduzindo acumulações de trânsito em estradas.

A Toyota junta-se a vários outros grupos investidores, interessados no projeto da Joby Aviation, agregando 100 milhões de euros adicionais para se juntar ao investimento inicial de 30 milhões de euros. A Joby já tinha criado designs e protótipos para um avião elétrico que foram testados em conjunto com a NASA. A presença da divisão de inteligência artificial da Toyota deverá garantir a criação de um avião fácil de controlar, com recurso intensivo a assistências de condução.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.