Os incêndios florestais de 2017 provaram como as corporações de bombeiros e a Proteção Civil necessitam de ter o equipamento mais recente para o auxílio no combate a incêndios. Os drones fazem parte desse equipamento, e no próximo as forças de segurança vai ter acesso a 36 máquinas, que foram adquiridas pelo Exército.

Noutros países, este tipo de equipamento já está disponível há anos. A Corporação de Bombeiros de Fairfield, nos arredores de San Francisco, nos Estados Unidos, demonstrou num vídeo a ajuda preciosa que os drones deram num incêndio numa empresa madeireira, em 2015. Este vídeo mostra como o drone pode ser utilizado para localizar a posição e progressão de um incêndio, quais são as zonas de maior perigo para os bombeiros, e se existem civis em perigo. Desta forma, os comandantes podem têm mais informação sobre o terreno para poderem tomar as melhores decisões.