MotoGP: Valentino Rossi não garante retirada em 2018

O atual contrato de Valentino Rossi com a Yamaha termina no próximo ano pelo que muitos especulam se este será o último contrato da carreira do titulado piloto italiano.

Apesar de ainda faltar alguma para que seja tomada uma decisão final, Rossi não rejeita a possibilidade de continuar a competir em 2019 quando já tiver 40 anos de idade.

“Quando assinei este contrato para os anos de 2017 e 2018 pensei que talvez fosse o último da minha carreira. Isto apesar de não estar muito convencido disso. O que irá acontecer no futuro dependerá de vários factores. Decidirei no início da próxima época. Mas se continuar a ser competitivo e ganhar gostaria de continuar a competir”, confidenciou o piloto transalpino.