Paulo Gonçalves: “Vamos ter um Dakar muito difícil”

O Dakar arranca esta segunda feira com uma etapa que vai servir para ordenar os pilotos para o segundo dia de prova. Paulo Gonçalves é um dos candidatos ao pódio nesta edição da prova. O piloto da Honda contudo sabe que a missão para este Dakar é mesmo acabar com o domínio da KTM que já leva 16 vitória consecutivas no Dakar.

“Estamos seguros que preparamos este Dakar 2017 muito bem. A equipa trabalhou duro durante a temporada para chegar aqui bem e daqui a poucas horas vamos começar o grande desafio do ano e eu o que mais quero é que tudo saia bem à Honda para podermos celebrar o que andamos à procura nos últimos anos. Se não se passar nada de extraordinário estou certo que vamos estar no caminho correto da vitória”
Paulo Gonçalves não tem dúvidas de que este Dakar será bastante complicado. “Vamos ter pela frente condições difíceis durante vários dias. Os pilotos que vivem ao nível do mar, como é o meu caso, tiveram de trabalhar muito para se habituarem à altura, porque os corpos trabalham de forma diferente e é necessário adaptar-nos a estas condições. Eu no ano passado tive algumas dificuldades, e este ano que temos mais dias em altitude, tentei preparar-me melhor para este desafio”.

Quanto à mota que nos últimos anos tantos problemas deu à Honda, Paulo Gonçalves não escondeu que este ano a HRC fez um trabalho intenso. “A mecânica no ano passado também sofrer um pouco, porque o rendimento da moto em altitude é bastante diferente daquele que revela ao nível do mar, mas estou certo que a equipa da HRC fez um bom trabalho neste sentido. Estamos prontos para começar esta segunda feira a luta pela vitória no Dakar”.

Virgilio Machado/Motosport