Jovens engenheiras ganham prémio para dar tendas solares a pessoas sem casa

A cidade de San Fernando, nos arredores de Los Angeles, tem um problema de desalojados que não está nada perto de desaparecer. Sendo uma zona pobre, um grupo de adolescentes pensou em ajudar estas pessoas, mas não sabia como. Daniela Orozco e Veronica Gonzalez, duas colegas de turma no liceu local, pensaram então como fazer uma tenda que pudesse ser usada para pessoas sem casa.

Juntando-se a outras colegas de turma, começaram a investigar na internet e atraíram a atenção da DIY Girls, uma instituição criada para ajudar raparigas em idade a escolar a formarem-se em áreas de ciência e tecnologia. Com a ajuda da DIY Girls, o grupo de adolescentes apresentou a sua idade num concurso do MIT (Massachusets Institute of Technology): uma tenda alimentada por energia solar, fácil de transportar. A equipa aprendeu a fazer todos os passos necessários à criação da tenda, incluindo coser, soldar, e idealizar o conceito para impressão em 3D.

A equipa ganhou um prémio de 10 mil dólares, que vai ajudá-las a produzir e distribuir as tendas. Tendas solares não são novidade (as primeiras foram criadas em 2005), mas esta diferencia-se por ser fácil de transportar. Pode ser enrolada de modo a ser puxada como uma mala de avião com rodas, ou carregada às costas como uma mochila.